“O sono influencia na disposição, na criatividade, no nosso dia a dia”

 

O cantor Daniel, embaixador da Gazin Colchões há 7 anos, relata como é sua rotina de descanso frente à agenda de gravações, criações e shows

 

Ana Luiza Verzola

 

Na estrada desde a década de 1980, o cantor Daniel é exemplo de disposição e simpatia por onde passa. Os fãs confirmam: de Brotas (SP) para o mundo, Daniel conquista multidões com seu jeito simples e sua música cantada com a alma e o coração. O que as pessoas não associam é que toda essa vivacidade está relacionada com algo bem básico: uma boa noite de sono. Pois é! O descanso influencia diretamente a voz. Com a agenda cheia de compromissos, encontrar tempo para o repouso nem sempre é uma tarefa fácil, mas que com o passar do tempo se tornou uma necessidade para o artista.

 

Na entrevista a seguir, Daniel conta um pouco do que mudou em sua carreira nessas décadas de trajetória musical, fala também sobre sua rotina e a importância do sono em sua vida, principalmente no descanso que o Colchão Gazin proporciona. Vamos conferir?

 

Qual a importância do sono no seu dia a dia?

Acredito que o sono seja importante para o nosso bem estar em geral, sem dormir parece que nada funciona muito bem. Em função dos horários dos shows, das viagens, dos compromissos, muitas vezes eu fico sem dormir, mas sei que isso é prejudicial e tento compensar quando posso.

 

A organização da sua agenda prioriza o momento de descanso? Isso mudou do início de sua carreira para cá?

Hoje eu tento ter uma semana mais regrada, o que no começo da carreira não era possível. Minha vida é totalmente diferente de quando comecei a cantar e com o passar dos anos é natural que muita coisa mude. Eu procuro ter mais momentos de descanso, até mesmo na estrada, quando estou em shows, eu tento priorizar um pouco mais o sono porque isso já me faz muita falta, se eu não descansar direito, isso atinge diretamente a voz. Quando os horários estão meio bagunçados, tento compensar isso de alguma maneira depois.

 

Quantas horas por dia você costuma dormir?

Em média hoje eu tenho umas 7 horas de sono, isso muda quando viajo para shows, acordo de madrugada, pego o avião e tento dar uma cochilada, depois se tenho tempo, mais uma descansada quando chego ao destino, mas no meu dia a dia em casa eu procuro manter um ritmo bom.

 

Já teve algum problema relacionado ao sono? Se sim, como contornou a situação?

Sim eu já tive problemas de enxaqueca por ficar sem dormir, umas dores de cabeça que fui perceber só depois, com orientação médica, que eram reflexo da falta de rotina do sono, horários muito irregulares. O médico me orientou nesse sentido e eu levo numa boa, às vezes a dor de cabeça aparece se fico sem dormir, mas são coisas que temos que aprender a lidar e tentar contornar.

 

Como você se adaptou à uma rotina de turnê e shows, cada semana em um local diferente, na hora de dormir?

A gente se adapta, não tem jeito. Acabo dormindo no avião, dentro do carro, depende da situação. Quando a gente consegue umas horas para dormir na cama do hotel, é um milagre muito bom (risos). Eu escolhi isso para minha vida e sabia que não me daria possibilidade talvez de ter sempre horários fixos, mas o amor pelo que faço acaba suprindo tudo isso e vamos contornando da melhor forma, desde que isso não atinja tão diretamente a minha saúde.

 

Há uma unanimidade dos profissionais da saúde quando se diz que se alimentar bem e praticar atividades físicas com regularidade melhoram o sono. Como você organiza esses aspectos na sua vida?

Nesse ponto eu procuro ser regrado, faço atividades físicas e tenho alimentação saudável, acho que o conjunto ajuda muito sim. Eu percebo que isso é fundamental na minha vida, me organizar de uma forma que eu esteja bem fisicamente e mentalmente também.

 

O sono influencia também na sua criatividade na hora de criar novas canções ou preparar algum show especial?

É fundamental você dormir bem, a gente pode não percebe, mas o sono influencia na disposição, na criatividade, no nosso dia a dia. Eu já acostumei a ficar sem dormir às vezes, mas acredito que a gente funciona melhor sim quando temos uma boa noite de sono. Quando tenho algo especial, uma gravação, uma estréia, eu procuro ter um sono de qualidade e isso é primordial.

Nada melhor do que a gente estar na casa da gente, no nosso colchão, que no meu caso é o colchão Gazin. Sem demagogia nenhuma, falando como consumidor mesmo, quando eu durmo num colchão Gazin eu sinto a diferença e o sono está relacionado diretamente à nossa qualidade de vida.

 

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn